segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Pão de Aveia com Chá Verde e Sementes de Papoila

O tratamento "detox" iniciou-se cá em casa depois das festas e, apesar de nesta semana, termos o aniversário do pipoca mais velho, os legumes voltaram a assumir o papel principal, a sopa regressou em força (sopa de espargos com grãos de cevada - a postar brevemente no blogue), e o pão voltou a ser feito. Já tinha comentado no face do delicias que fazer pão é algo que dá muito prazer porque, assemelha-se a fazer um bolo. Podemos variar imenso, a imaginação e as "normas" de fermentação ditam as regras, e o resultado é, muitas vezes, surpreendente. O pão que vos trago hoje, foi devorado, literalmente, pelos meus filhos ontem, e isso deixa-me muito feliz, afinal o pão, é um elemento essencial na alimentação. 
Aqui fica a receita.



Precisamos de:
- para 18 pãezinhos

*Isco ou Massa Velha:
- 10g de fermento de padeiro
- 100ml de água
- 180g de farinha tipo 65

1. Dissolver o fermento na água morna. (na B. ♥ , 2m, vel. 1)
2. Acrescentar a farinha e misturar bem até se formar uma bola (na B.♥  vel. 4, 1m)
3. Deixar levedar, tapado com um pano, em cima da parte de trás do frigorífico ou arca congeladora, por 1h.


* Massa Final
- isco
- 1 cup de farinha tipo 65
- 1 cup de farinha de aveia
- 1 cup de farinha integral
- 1 saqueta de chá verde
- 1/8 cup de azeite
- 190ml de água
- sal
- 1 col. de sopa, generosa, de sementes de papoila

1. Misturar todos os ingredientes e amassar bem (na B. ♥ . 4, 20 seg; vel. espiga 2m)
2. Na mão formar uma bola com a massa e passar um dedo por farinha, espetar o dedo na massa fazendo um buraco, se este se voltar a tapar, a massa está bem amassada.
3. Formar bolas, fazer uma cruz em cada uma com a faca, deixar levedar por 45m / 1h - liguei o forno a 50º, desliguei e deixei os tabuleiros com o pão lá dentro.
4. Levar  a cozer, a 250º, em forno pré-aquecido, com um recipiente com água lá dentro (para criar vapor) ou gelo diretamente no fundo do forno (esta aprendia na TV).

4 comentários:

  1. Olá Raquel,
    fiquei a babar com as tuas receitas, já sou seguidora:)
    Bom ano 2013***

    ResponderEliminar
  2. Nunca me lembraria de usar o chá verde... vou experimentar certamente! :-)

    ResponderEliminar